quinta-feira, 23 de novembro de 2017

II OFICINA DE LÍNGUA PORTUGUESA REALIZADA NA 3ª. DIRED


Através do plano de ação implementado pelo diretor da  3ª. DIREC  - Miguel Rosa Filho – para atender aos objetivos do Programa Jovem de Futuro, que abrange 12 escolas do Ensino Médio foi realizada no DIA 22/11/2017 A II Oficina de Língua Portuguesa.
A Oficina de Língua Portuguesa ministrada pela Professora Elisângela Teixeira Rodrigues, abordou “Os descritores das avaliações externas de forma inovadora”, enfatizando os resultais do SIMAIS, e reiterando a importância da “Leitura, produção e interpretação de textos.” Como prática cotidiana.
Além desses aspectos abordou textos curtos para serem lidos, produzidos e interpretados pelos alunos do Ensino Médio, com o objetivo de melhorar em 10% a proficiência na leitura, escrita e interpretação de textos e contou com a presença dos professores de Língua Portuguesa das Escolas Joaquim da Luz e José Lúcio Ribeiro.
Durante a oficina foi apresentado e sugerido a introdução de jogos de Língua Portuguesa que possam estimular a criatividade dos alunos.

A justificativa para a ação da 3ª. DIRED é a busca pela superação na defasagem de conteúdos, o cumprimento da carga horária semanal e o currículo inovador.

LICENÇAS PRÊMIOS CONCEDIDAS PELO GOVERNO DO RN

FONTE: http://adcon.rn.gov.br/ACERVO/SEARH/DOC/DOC000000000165956.PDF

LITERATURA DE CORDEL NA ESCOLA ESTADUAL PREFEITO JOSÉ DO CARMO


Alunos do 5º ano trabalham habilidades da língua portuguesa

Turma: 5º Ano "A" da Escola Estadual Padre Tomás de Aquino em São José de Campestre

Professor: 
Valderir Inácio
Disciplina: Língua Portuguesa
Conteúdo: Gênero textual - Propaganda
Metodologia: Seminário

Justificativa: A habilidade de vender, convencer, e apelar faz parte da função conativa (apelativa) da linguagem humana. Alunos do 5º Ano necessariamente precisam saber expor de maneira clara e enfática sobre determinado tema, assegurando uma boa comunicação.

Parabéns a todos os alunos envolvidos nesta atividade e ao Professor que sempre media maiores e melhores conhecimentos com todos de nossa comunidade escolar.


ENCONTRO DO PROMÉDIO NA 3ª DIRED


terça-feira, 21 de novembro de 2017

Expo Halloween 2017 DA ESCOLA FILOMENA DE AZEVEDO


Foi realizado um baile de Halloween nas dependências da Escola Estadual Domitila Noronha, organizando pelos professores Carlos Ramon e Hyldeth Barros e pelo grêmio estudantil "o futuro é agora", com a participação dos alunos do 8°, 9°,1°,2°,3°, como parte da programação da semana de arte, cultura e ciência.

O "Halloween" o dia das bruxas como é chamado no Brasil é comemorado na noite de 31 de outubro. O nome "Halloween" é uma contração da expressão: " ALL HALLOWS EVE" ( Noite de todos os mortos). É uma data que tem maior relevância em países com descendência anglo-saxônica, sendo de maior relevância nos Estados Unidos.

3ª MOSTRA CIENTÍFICO CULTURA DA ESCOLA JOÃO BERNARDO


Biblioteca é reinaugurada no dia da 2ª Culminância do Projeto de Inovação Pedagógica - PiP 2017



A Direção da Escola Estadual Professora Ocila Bezerril juntamente com a coordenação pedagógica, professores e alunos realizaram na terça-feira, dia 14 de novembro, a 2ª culminância do Projeto de Inovação Pedagógica - PiP 2017. Na ocasião, a Biblioteca Escolar Maria Firmino de Lima foi reaberta ao público e diversas atividades e projetos foram apresentados a comunidade escolar, dentre os quais pode-se destacar:
  • Reabertura da Biblioteca;
  • Palestra com a Professora Livramento;
  • Sala de experimentos de física com os professores André e Larissa;
  • Apresentação de capoeira e música com a Banda Delta 64.
A participação no evento contou com um público considerável. Alunos e professores dos turnos matutino, vespertino e noturno fizeram presença. Ao final, a Direção serviu um jantar comemorativo a todos os presentes.
Fonte: http://ocilaonline.blogspot.com.br/2017/11/biblioteca-e-reinaugurada-no-dia-da-2.html

Projeto Aulas de Energia, em Maracajaú e Parque Eólico de Rio do Fogo/RN


No último dia 18 de novembro de 2017, alunos, professores e convidados participaram de mais uma Aula de Campo do Projeto Expedições Geográficas, levando-os ao Projeto Aulas de Energia, em Maracajaú e Parque Eólico de Rio do Fogo/RN.
Nesta décima primeira aula de campo tivemos um público misto, sendo a Escola Municipal Dinarte de Medeiros Mariz e Escola Estadual José Lúcio Ribeiro, ambas de Brejinho/RN, onde na oportunidade puderam conhecer o Espaço Ecoposto Energia Eólica e no Aulas de Energia os visitantes puderam conhecer, por meio de aulas teóricas e práticas, a geração de energia elétrica, com ênfase na energia eólica, onde se mostrou a importância da geração e uso da energia, em especial das energias renováveis, como a eólica, e a necessidade de utilizarmos a energia de forma eficiente e segura em nosso dia-a-dia, evitando o desperdício e preservando o meio ambiente.
A aula de Campo permitiu a absorção dos conhecimentos previstos, pois as atividades do projeto visam provocar nos participantes uma reflexão sobre a questão energética a partir do ponto de vista da ética, desenvolvimento econômico e salvaguarda dos patrimônios material, imaterial e ambiental.

Está foi mais uma Aula de Campo realizada por meio trabalho coletivo, onde os participantes custearam as despesas referentes à atividade.

AULA DE CAMPO EM JOÃO PESSOA


Este projeto tem como intuito desenvolver aula de campo na cidade de João Pessoa, Estado da Paraíba e traz o título: ARQUITETURA COMO MEIO DE COMPREENSÃO DA HISTÓRIA DO NORDESTE, O CASO DA PARAÍBA.
As casas residenciais, comerciais, as escolas, os hospitais, os quarteis, as fortalezas, as praças e coretos, os museus e teatros, não são apenas arquitetura de uma cidade; são símbolos de memórias, e, portanto, possui uma história que está relacionada a uma época e nos possibilita compreender como os homens e mulheres viviam se comportavam, se relacionavam socialmente, produziam os bens materiais e compreendiam o mundo.
A partir da arquitetura, patrimônio histórico a aula de campo terá o seguinte roteiro pela cidade de João Pessoa, antiga cidade da Parahyba, o que possibilitará aos alunos/as compreenderem a partir da arquitetura e dos equipamentos urbanos existentes no centro histórico dessa cidade e adjacência a história do nordeste, do Brasil nos períodos colonial, império, e república, compreendendo a modernidade pela qual a cidade passou.
1- Casa da Pólvora;
2- Igreja de Nossa Senhora das Neves;
3- Igreja e Museu de São Francisco;
4- Igreja de São Pedro Gonçalves;
5- Teatro Santa Rosa
6- Praça Pedro Américo;
7- Igreja da Misericórdia;
8- Praça Rio Branco;
9- Igreja do Carmo;
10- Palácio do Bispo;
11- Ponto de Cem Réis;
12- Paraíba Palace Hotel;
13- Praça João Pessoa;
14- Parque Sólon de Lucena (Lagoa)
15- Praça da Independência;
16- Espaço Cultural José Lins do Rego;
17- Estação Ciência;
18- Fortaleza Santa Catarina (Cabedelo).
Esta aula tem como intuito mostrar a formação das cidades modernas brasileiras, a partir da formação da cidade de João Pessoa/PB, os alunos entenderão como se formou o mundo urbano a partir de espaços públicos, de lazer e religiosos.
 Fomos a ponta do Seixas e a praia do Seixas

PROJETO NOVEMBRO PRETO NA ESCOLA ROSA PIGNATARO




PROJETO NORDESTE: CULTURA & ARTE NA ESCOLA


SEMANA MULTICULTURAL DA ESCOLA ESTADUAL DIÓGENES DA CUNHA LIMA


CONVITE PARA A FEIRA DE CIÊNCIAS DA ESCOLA ESTADUAL ANTÔNIO DE OLIVEIRA FAGUNDES


A EDUCAÇÃO FEZ A DIFERENÇA NA MINHA VIDA: DESAFIOS, DIFICULDADES E VITÓRIAS


sexta-feira, 17 de novembro de 2017

Relatos que inspiram





ENCCEJA acontece domingo



SEEC/ASSECOM17 Nov 2017 11:25

No RN, são 7.064 jovens e adultos inscritos
No próximo domingo (19), jovens e adultos que buscam a certificação da conclusão dos estudos farão o  Exame Nacional para Certificação de Competências de Jovens e Adultos, o Encceja.
No RN, são 7.064 jovens e adultos inscritos para obterem a certificação de escolaridade, sendo 1.109 de ensino fundamental e 5.955 do médio. São 22 locais de aplicação no estado, distribuídos nos municípios, contando com cerca de 100 integrantes na equipe de aplicação das provas.
A edição 2017 do Encceja conta com a parceria e o apoio das 27 Universidades Federais. No RN, a aplicação das provas, que acontecerá no domingo, conta com o apoio da SEEC mobilizando a comunidade no âmbito das 16 Diretorias Regionais de Educação e se dará em 22 unidades escolares cedidas pela rede estadual.
A certificação do Encceja é de fundamental importância para aumentar o nível de escolaridade da população de jovens e adultos que não concluiu as etapas da educação básica na idade adequada, resgatando um direito fundamental da cidadania, promovendo a inclusão social e oportunizando a inserção dessas pessoas no mundo do trabalho.

Provas a serem aplicadas por turno
 Manhã:
- para o Ensino Fundamental: Ciências Naturais, História e Geografia;
- para o Ensino Médio: Ciências da Natureza e Ciências Humanas;
 Tarde:
- para o Ensino Fundamental: Língua Portuguesa, Língua Estrangeira Moderna, Artes, Educação Física, Redação e Matemática;
- para o Ensino Médio: Linguagens e Redação e Matemática.

Horário das provas no RN
Manhã:
- Abertura dos portões 7h
- Fechamento dos portões 7h 45min
- Início das provas 8h
- Término das provas 12h
Tarde:
-Abertura dos portões 13h 30min
- Fechamento dos portões 14h 15min
- Início das provas 14h 30min
- Término das provas 19h 30min

FONTE: http://www.educacao.rn.gov.br/Conteudo.asp?TRAN=ITEM&TARG=165637&ACT=&PAGE=&PARM=&LBL=NOT%CDCIA

Projeto visa equidade de gênero por meio do estudo de ciências exatas



SEEC/ASSECOM17 Nov 2017 12:12
A secretária Adjunta de Educação e Cultura, Mônica Guimarães recebeu a equipe do Instituto Unibanco para reunião de apresentação do II Edital Gestão Escolar para Equidade: ELAS nas Exatas. O objetivo do edital é apoiar técnica e financeiramente iniciativas de educação que incentivem as jovens do Ensino Médio a se interessarem pelas áreas de exatas e ciências tecnológicas, atuem na promoção de equidade de gênero e busquem superar os estereótipos nas escolas públicas. 
As escolas públicas e Ensino Médio e organizações sociais que se dedicam à promoção da educação, defesa dos direitos das mulheres e/ou direitos humanos, de todo Brasil podem se inscrever até o próximo dia 28.
O edital é uma iniciativa do ELAS Fundo de Investimento Social, Fundação Carlos Chagas e Instituto Unibanco, e conta, nesta edição, com a participação da ONU Mulheres. A iniciativa também contribui com a Agenda 2030 para o Desenvolvimento Sustentável da ONU que lista 17 objetivos a serem implementados por todos os países nos próximos 15 anos, entre eles “assegurar a educação inclusiva, equitativa e de qualidade para todas e todos” e “alcançar a igualdade de gênero e empoderar todas as mulheres e meninas”.

Conheça o edital e outros documentos no link  http://www.fundosocialelas.org/elasnasexatas/edital/

Fonte:http://www.educacao.rn.gov.br/Conteudo.asp?TRAN=ITEM&TARG=165649&ACT=&PAGE=&PARM=&LBL=NOT%CDCIA 

Aplicativo permite que pais acompanhem o desenvolvimento escolar de seus filhos

ASSECOM/RN17 Nov 2017 17:04
ASSECOM/RN


Desde a última sexta-feira (10), os pais de alunos da Rede Estadual de Educação podem acompanhar o desenvolvimento escolar dos estudantes através de aplicativo. O SIGEduc Familiar, desenvolvido pela equipe do Grupo de Processamento de Dados da Secretaria Estadual de Educação e Cultura do RN,  disponibiliza para os pais dados como notas, frequências e disciplinas ministradas em sala de aula durante o ano letivo nas escolas.
O SIGEduc é uma ferramenta de acesso dos alunos, e agora, dos pais. Cada estudante, assim como os pais, receberam um usuário e senha para acessar o canal de informação. Todos os estudantes da rede já possuem acesso ao programa, implantado no ano de 2014, por meio do Sistema Integrado de Gestão da Educação, da Secretaria Estadual de Educação e Cultura.         
O aplicativo permite a informatização cada vez mais avançada do sistema de educação e pretende expandir o benefício da ferramenta nos próximos anos. “Essa é uma iniciativa de grande importância para os pais, alunos e também para a secretaria. Antes essa tecnologia só era presente em escolas particulares, hoje, os nossos estudantes e seus familiares também podem contar com esse serviço”, destacou Ana Paula Oliveira, coordenadora do Grupo de Processamento de Dados, da SEEC.       
Para Claúdia Lima, mãe de Iara que cursa o primeiro no do ensino médio,o aplicativo contribui para a aproximação dos pais com a escola.  “Agora vou conseguir acompanhar mais de perto as atividades da escola como o  o boletim e poder ajuda-la a recuperar alguma nota se for preciso. Consigo também acompanhar se ela está em sala de aula e isso me dá mais segurança”, declarou.
O aplicativo encontra-se disponível na Google Play e pode ser baixado por todos os pais de alunos da Rede Pública. Para instalar, basta conectar o celular à internet e baixar o aplicativo. A partir daí o usuário já terá acesso as informações disponibilizadas pela ferramenta. 

Fonte: http://www.rn.gov.br/Conteudo.asp?TRAN=ITEM&TARG=165468&ACT=&PAGE=&PARM=&LBL=NOT%CDCIA 

sábado, 11 de novembro de 2017

ÚLTIMO AULÃO #Queroaprender


Hoje (11/11/2017) na cidade de Passa e Fica, aconteceu  o último Aulão PRO ENEM, através do Programa #Queroaprender.
O diretor da 3ª. DIREC, Miguel Rosa Filho, agradecer a toda equipe da Seec, comandada pela Profa. Cláudia Santa Rosa,  a nossa equipe do PROMÉDIO, aos Professores, gestores, coordenadores pedagógicos e em especial nosso alunos.

Miguel destaca o empenho dos alunos na participação das aulas e nosso aluno Erivan, da E.E. João Tomaz Neto, da distante cidade de Lagoa de Pedras,  100% de frequência quando a perseverança é maior do que os obstáculos. Agradecendo ao gestor Municipal e a nossa gestora escolar Jeane.
Segundo Jeane: Edivan é de dá exemplo, menino de muita fé e força de vontade de superar obstáculos para atingir seus objetivos.
 Também um agradecimento especial para nossa aluna de Boa Saúde, a mais distante  cidade do polo da 3ª. DIREC.

MUSEU DE NÍSIA FLORESTA RECEBE ALUNOS DE NOVA CRUZ


OFICINA DE LÍNGUA PORTUGUESA E MATEMÁTICA REALIZADA NA 3ª. DIREC

Através do plano de ação implementado pelo diretor da  3ª. DIREC  - Miguel Rosa Filho – para atender aos objetivos do Programa Jovem de Futuro, que abrange 12 escolas do Ensino Médio foram realizadas oficinas de Língua Portuguesa e Matemática.

A Oficina de Língua Portuguesa ministrada pela Professora Elisângela Teixeira Rodrigues, no dia 08/11/2017, abordou a “Leitura, produção e interpretação de textos. E Gêneros textuais.” Com o objetivo de melhorar em 10% a proficiência na leitura, escrita e interpretação de textos dos alunos do Ensino Médio e contou com a presença de 14 professores da área, que muito empenhados na execução das futuras ações, solicitaram da 3ª. DIREC e da SEEC/RN que o curso pudesse ser extensivo também para os professores do Ensino Fundamental, de forma que as ações possam está alinhadas num mesmo discurso.

No dia 09/11/2017, aconteceu a Oficina de Matemática, ministrada por Ana Santana e Everton F. Dias de Oliveira, e trabalhou-se com os professores da área “A importância da matemática no cotidiano” e “A importância de jogos matemáticos no cotidiano escolar”.
Durante a oficina de matemática foram confeccionados jogos pelos professores para possam ser utilizados em sala de sala de aula.

A justificativa para a ação da 3ª. DIREC é a busca pela superação na defasagem de conteúdos, o cumprimento da carga horária semanal e o currículo inovador.

MISSÃO PEDAGÓGICA NO PARLAMENTO


NOVEMBRO PRETO, CONTRA O RACISMO E INTERLIGANDO SABERES


Na última quinta-feira (09/11/2017), a centenária Escola Estadual Alberto Maranhão, localizada na cidade de Nova Cruz/RN, jurisdicionada à 3ª. DIREC, por meio da ação e coordenação do Professor Francinaldo e da Professora Lene Rosa, realizaram o evento NOVEMBRO PRETO, CONTRA O RACISMO E INTERLIGANDO SABERES, com o intuito de valorizar e respeitar o povo afrodescendente, envolver a comunidade escolar de forma mais eficaz, e enquanto instituição transformadora promover no espaço escolar o respeito às diferenças.
Dentre os muitos objetivos propostos pelos professores, além de ler e conhecer os aspectos da história afro-brasileira, ressalta-se o anseio em despertar o interesse para combater o racismo.

A ação foi coletiva e envolveu além da Escola Estadual Alberto Maranhão, a Escola Estadual Rosa Pignataro, a Escola Estadual Djalma Marinho e a Escola Municipal Nestor Marinho, além da comunidade escolar com efetiva participação dos estudantes.

sexta-feira, 10 de novembro de 2017

Aula de campo na Escola Indígena do Catu, RN



A Escola E. Professora Ocila Bezerril, ontem dia 09/11/2017, teve uma aula de campo na Escola Indígena do Catu, RN.
Interdisciplinas: Arte/Espanhol/Inglês.
Estudaram:
Etnohistória, gastronomia, etnolinguística etc.
Encerramos a aula com uma Oficina de Tupi antigo.
Professor: Marcos Bezerra.
Turma: 2 ano, ensino médio.
Turno: Noturno.

Professores que nos receberam: Luiz Katu e Valda.
Escola Municipal João  Lino da Silva - Canguaretama.

VII Feira de Ciências da Escola E. Joaquim da Luz

VII Feira de Ciências acontecerá nos dias 20 e 21/11 na Escola E. Joaquim da Luz em Espírito Santo, RN

20/11 - Abertura às 19:00h
21/11 -  Exposição das 8:00 às 17:00h

VIII FEIRA DE SABORES DA ESCOLA E. BELMIRA LARA