sexta-feira, 17 de novembro de 2017

Relatos que inspiram





ENCCEJA acontece domingo



SEEC/ASSECOM17 Nov 2017 11:25

No RN, são 7.064 jovens e adultos inscritos
No próximo domingo (19), jovens e adultos que buscam a certificação da conclusão dos estudos farão o  Exame Nacional para Certificação de Competências de Jovens e Adultos, o Encceja.
No RN, são 7.064 jovens e adultos inscritos para obterem a certificação de escolaridade, sendo 1.109 de ensino fundamental e 5.955 do médio. São 22 locais de aplicação no estado, distribuídos nos municípios, contando com cerca de 100 integrantes na equipe de aplicação das provas.
A edição 2017 do Encceja conta com a parceria e o apoio das 27 Universidades Federais. No RN, a aplicação das provas, que acontecerá no domingo, conta com o apoio da SEEC mobilizando a comunidade no âmbito das 16 Diretorias Regionais de Educação e se dará em 22 unidades escolares cedidas pela rede estadual.
A certificação do Encceja é de fundamental importância para aumentar o nível de escolaridade da população de jovens e adultos que não concluiu as etapas da educação básica na idade adequada, resgatando um direito fundamental da cidadania, promovendo a inclusão social e oportunizando a inserção dessas pessoas no mundo do trabalho.

Provas a serem aplicadas por turno
 Manhã:
- para o Ensino Fundamental: Ciências Naturais, História e Geografia;
- para o Ensino Médio: Ciências da Natureza e Ciências Humanas;
 Tarde:
- para o Ensino Fundamental: Língua Portuguesa, Língua Estrangeira Moderna, Artes, Educação Física, Redação e Matemática;
- para o Ensino Médio: Linguagens e Redação e Matemática.

Horário das provas no RN
Manhã:
- Abertura dos portões 7h
- Fechamento dos portões 7h 45min
- Início das provas 8h
- Término das provas 12h
Tarde:
-Abertura dos portões 13h 30min
- Fechamento dos portões 14h 15min
- Início das provas 14h 30min
- Término das provas 19h 30min

FONTE: http://www.educacao.rn.gov.br/Conteudo.asp?TRAN=ITEM&TARG=165637&ACT=&PAGE=&PARM=&LBL=NOT%CDCIA

Projeto visa equidade de gênero por meio do estudo de ciências exatas



SEEC/ASSECOM17 Nov 2017 12:12
A secretária Adjunta de Educação e Cultura, Mônica Guimarães recebeu a equipe do Instituto Unibanco para reunião de apresentação do II Edital Gestão Escolar para Equidade: ELAS nas Exatas. O objetivo do edital é apoiar técnica e financeiramente iniciativas de educação que incentivem as jovens do Ensino Médio a se interessarem pelas áreas de exatas e ciências tecnológicas, atuem na promoção de equidade de gênero e busquem superar os estereótipos nas escolas públicas. 
As escolas públicas e Ensino Médio e organizações sociais que se dedicam à promoção da educação, defesa dos direitos das mulheres e/ou direitos humanos, de todo Brasil podem se inscrever até o próximo dia 28.
O edital é uma iniciativa do ELAS Fundo de Investimento Social, Fundação Carlos Chagas e Instituto Unibanco, e conta, nesta edição, com a participação da ONU Mulheres. A iniciativa também contribui com a Agenda 2030 para o Desenvolvimento Sustentável da ONU que lista 17 objetivos a serem implementados por todos os países nos próximos 15 anos, entre eles “assegurar a educação inclusiva, equitativa e de qualidade para todas e todos” e “alcançar a igualdade de gênero e empoderar todas as mulheres e meninas”.

Conheça o edital e outros documentos no link  http://www.fundosocialelas.org/elasnasexatas/edital/

Fonte:http://www.educacao.rn.gov.br/Conteudo.asp?TRAN=ITEM&TARG=165649&ACT=&PAGE=&PARM=&LBL=NOT%CDCIA 

Aplicativo permite que pais acompanhem o desenvolvimento escolar de seus filhos

ASSECOM/RN17 Nov 2017 17:04
ASSECOM/RN


Desde a última sexta-feira (10), os pais de alunos da Rede Estadual de Educação podem acompanhar o desenvolvimento escolar dos estudantes através de aplicativo. O SIGEduc Familiar, desenvolvido pela equipe do Grupo de Processamento de Dados da Secretaria Estadual de Educação e Cultura do RN,  disponibiliza para os pais dados como notas, frequências e disciplinas ministradas em sala de aula durante o ano letivo nas escolas.
O SIGEduc é uma ferramenta de acesso dos alunos, e agora, dos pais. Cada estudante, assim como os pais, receberam um usuário e senha para acessar o canal de informação. Todos os estudantes da rede já possuem acesso ao programa, implantado no ano de 2014, por meio do Sistema Integrado de Gestão da Educação, da Secretaria Estadual de Educação e Cultura.         
O aplicativo permite a informatização cada vez mais avançada do sistema de educação e pretende expandir o benefício da ferramenta nos próximos anos. “Essa é uma iniciativa de grande importância para os pais, alunos e também para a secretaria. Antes essa tecnologia só era presente em escolas particulares, hoje, os nossos estudantes e seus familiares também podem contar com esse serviço”, destacou Ana Paula Oliveira, coordenadora do Grupo de Processamento de Dados, da SEEC.       
Para Claúdia Lima, mãe de Iara que cursa o primeiro no do ensino médio,o aplicativo contribui para a aproximação dos pais com a escola.  “Agora vou conseguir acompanhar mais de perto as atividades da escola como o  o boletim e poder ajuda-la a recuperar alguma nota se for preciso. Consigo também acompanhar se ela está em sala de aula e isso me dá mais segurança”, declarou.
O aplicativo encontra-se disponível na Google Play e pode ser baixado por todos os pais de alunos da Rede Pública. Para instalar, basta conectar o celular à internet e baixar o aplicativo. A partir daí o usuário já terá acesso as informações disponibilizadas pela ferramenta. 

Fonte: http://www.rn.gov.br/Conteudo.asp?TRAN=ITEM&TARG=165468&ACT=&PAGE=&PARM=&LBL=NOT%CDCIA 

sábado, 11 de novembro de 2017

ÚLTIMO AULÃO #Queroaprender


Hoje (11/11/2017) na cidade de Passa e Fica, aconteceu  o último Aulão PRO ENEM, através do Programa #Queroaprender.
O diretor da 3ª. DIREC, Miguel Rosa Filho, agradecer a toda equipe da Seec, comandada pela Profa. Cláudia Santa Rosa,  a nossa equipe do PROMÉDIO, aos Professores, gestores, coordenadores pedagógicos e em especial nosso alunos.

Miguel destaca o empenho dos alunos na participação das aulas e nosso aluno Erivan, da E.E. João Tomaz Neto, da distante cidade de Lagoa de Pedras,  100% de frequência quando a perseverança é maior do que os obstáculos. Agradecendo ao gestor Municipal e a nossa gestora escolar Jeane.
Segundo Jeane: Edivan é de dá exemplo, menino de muita fé e força de vontade de superar obstáculos para atingir seus objetivos.
 Também um agradecimento especial para nossa aluna de Boa Saúde, a mais distante  cidade do polo da 3ª. DIREC.

MUSEU DE NÍSIA FLORESTA RECEBE ALUNOS DE NOVA CRUZ


OFICINA DE LÍNGUA PORTUGUESA E MATEMÁTICA REALIZADA NA 3ª. DIREC

Através do plano de ação implementado pelo diretor da  3ª. DIREC  - Miguel Rosa Filho – para atender aos objetivos do Programa Jovem de Futuro, que abrange 12 escolas do Ensino Médio foram realizadas oficinas de Língua Portuguesa e Matemática.

A Oficina de Língua Portuguesa ministrada pela Professora Elisângela Teixeira Rodrigues, no dia 08/11/2017, abordou a “Leitura, produção e interpretação de textos. E Gêneros textuais.” Com o objetivo de melhorar em 10% a proficiência na leitura, escrita e interpretação de textos dos alunos do Ensino Médio e contou com a presença de 14 professores da área, que muito empenhados na execução das futuras ações, solicitaram da 3ª. DIREC e da SEEC/RN que o curso pudesse ser extensivo também para os professores do Ensino Fundamental, de forma que as ações possam está alinhadas num mesmo discurso.

No dia 09/11/2017, aconteceu a Oficina de Matemática, ministrada por Ana Santana e Everton F. Dias de Oliveira, e trabalhou-se com os professores da área “A importância da matemática no cotidiano” e “A importância de jogos matemáticos no cotidiano escolar”.
Durante a oficina de matemática foram confeccionados jogos pelos professores para possam ser utilizados em sala de sala de aula.

A justificativa para a ação da 3ª. DIREC é a busca pela superação na defasagem de conteúdos, o cumprimento da carga horária semanal e o currículo inovador.

MISSÃO PEDAGÓGICA NO PARLAMENTO


NOVEMBRO PRETO, CONTRA O RACISMO E INTERLIGANDO SABERES


Na última quinta-feira (09/11/2017), a centenária Escola Estadual Alberto Maranhão, localizada na cidade de Nova Cruz/RN, jurisdicionada à 3ª. DIREC, por meio da ação e coordenação do Professor Francinaldo e da Professora Lene Rosa, realizaram o evento NOVEMBRO PRETO, CONTRA O RACISMO E INTERLIGANDO SABERES, com o intuito de valorizar e respeitar o povo afrodescendente, envolver a comunidade escolar de forma mais eficaz, e enquanto instituição transformadora promover no espaço escolar o respeito às diferenças.
Dentre os muitos objetivos propostos pelos professores, além de ler e conhecer os aspectos da história afro-brasileira, ressalta-se o anseio em despertar o interesse para combater o racismo.

A ação foi coletiva e envolveu além da Escola Estadual Alberto Maranhão, a Escola Estadual Rosa Pignataro, a Escola Estadual Djalma Marinho e a Escola Municipal Nestor Marinho, além da comunidade escolar com efetiva participação dos estudantes.

sexta-feira, 10 de novembro de 2017

Aula de campo na Escola Indígena do Catu, RN



A Escola E. Professora Ocila Bezerril, ontem dia 09/11/2017, teve uma aula de campo na Escola Indígena do Catu, RN.
Interdisciplinas: Arte/Espanhol/Inglês.
Estudaram:
Etnohistória, gastronomia, etnolinguística etc.
Encerramos a aula com uma Oficina de Tupi antigo.
Professor: Marcos Bezerra.
Turma: 2 ano, ensino médio.
Turno: Noturno.

Professores que nos receberam: Luiz Katu e Valda.
Escola Municipal João  Lino da Silva - Canguaretama.

VII Feira de Ciências da Escola E. Joaquim da Luz

VII Feira de Ciências acontecerá nos dias 20 e 21/11 na Escola E. Joaquim da Luz em Espírito Santo, RN

20/11 - Abertura às 19:00h
21/11 -  Exposição das 8:00 às 17:00h

VIII FEIRA DE SABORES DA ESCOLA E. BELMIRA LARA


PLATAFORMA FREIRE


Exposição de inglês e espanhol apresentou o Halloween e suas histórias


A exposição foi realizada nas dependências da Escola Estadual Professora Ocila Bezerril, e foi organizada pelos professores Diego de língua inglesa e Joelma de espanhol com a participação dos alunos da 2ª série do Ensino Médio do turno matutino, e apresentou o Halloween e suas histórias.

O Halloween

Popularizado pela cultura norte-americana, o Halloween remonta a uma antiga celebração celta, o Samhain, que marcava o fim do verão. Apesar de ter sido substituído no Século VII por uma festividade católica, mais de 2 mil anos depois, pessoas por todo o mundo continuam a celebrar a chegada do inverno da mesma forma que os antigos celtas - com uma grande festa repleta de doces e máscaras.


No México, a morte tem significado único. Em vez de lamentada, é festejada uma vez por ano -  de 31 de outubro a 2 de novembro (dia de finados no Brasil). Durante a festa, considerada pela UNESCO como patrimônio da humanidade, é tradição reunir familiares e amigos para comemorar a visita dos antepassados a terra.


FESTIVAL DE DANÇA NA EE ROSA PIGNATARO


Promovido pela professora Paula Medeiros (Ed. Física) e as alunas estagiárias do curso de Educação Física da Unopar, na segunda-feira (16) de outubro de 2017, na Quadra poliesportiva da Escola Estadual Rosa Pignataro, foi realizado o Festival de Danças. Um evento cujo objetivo principal é Promover um evento democrático de ampla participação dos alunos que incentive a prática da dança como expressão artística e contribuindo para a difusão cultural e desenvolvimento regional.


Os alunos da EE Rosa Pignataro deram um show de dança e emoção,
O espetáculo surpreendeu em criatividade, beleza e originalidade.
Houve apresentações do Grupo de Capoeira cordão de ouro, organizado por nossos próprios alunos, a apresentação do grupo Love Dance, freesptep, swingueira e musica eletrônica.

Para o Prof. George, Diretor da escola, um evento como esse servirá como um momento de entretenimento da comunidade escolar e de promoção cultural, onde todos os alunos poderão estar presentes para se divertirem de forma saudável.

Além disso, a participação de estudantes em um evento artístico-musical assim pode servir como meio de aprendizagem prazerosa e para o desenvolvimento da consciência do movimento e da arte da dança.

2° dia da Mostra Cultural da Escola Estadual Edmundo Neves do Nascimento

Alunos da 2ª Séries apresentando o tema: O Trabalho no Passado, Presente e Futuro.



Alunos das turmas do 2° matutino e 3° noturno falam do trabalho no passado e também sobre a Era Vargas.

Fonte: http://escolaestadualedmundonevesls.blogspot.com.br/2017/11/2-dia-da-mostra-cultural-da-eeenn_10.html

DIA DO FUNCIONÁRIO PÚBLICO


No dia do Funcionário Público, 28 de outubro, Gestão e Coordenação da Escola Estadual Deputado Djalma Aranha Marinho, de Passa e Fica, RN, promoveram um dia de lazer para os seus funcionários, no qual estes puderam usufruir, ao lado de seus companheiros de trabalho e de seus familiares, de um período diurno com piscina, boa música, farta alimentação, além de lindos e peculiares locais, situados no próprio ambiente, que é a "Chácara do Adriano Mandu", para registros fotográficos e para a contemplação do lugar!

LICENÇAS PRÊMIOS CONCEDIDAS PELO GOVERNO DO RN


O CASTELO MAL ASSOMBRADO

E-book produzido com os alunos do 2º ano do turno vespertino, com o professor Alexandre da Escola Estadual Fabrício Maranhão/Pedro Velho
SEQUÊNCIA DIDÁTICA – Scrath e narrativa, conto: incentivando o uso da leitura e escrita no ciclo de alfabetização.
PÚBLICO ALVO – 30 Alunos do 3º ano do Ensino Fundamental

DURAÇÃO: 19/09 a 27/09 - 7 Dias Letivos



O Castelo Assombrado
Era uma vez um castelo assombrado dentro vivia uma bruxa muito malvada que maltratava a princesa.
A princesa sofria muito, pois todos os dias a bruxa fazia ela trabalhar de empregada.
- Trabalha menina, dizia a bruxa
A princesa falou
- Alguém me ajude, não aguento mais.
Quando ela falou a apareceu um príncipe, que decidiu matar a bruxa e salvar a princesa, mas, a bruxa pediu desculpa e disse que seria uma pessoa boa, o príncipe deixou ela viver, a princesa perdoou e eles viveram felizes para sempre.
Emanuely, Gabriele e Jaciane

O castelo assombrado
Era uma vez um castelo assombrado dentro tinha vampiro, morcego, rato e uma princesa que se chamava Bela e um Príncipe Chamado Gabriel. Uma bruxa que andava pela noite entrou o castelo e prendeu a mãe do príncipe em uma prisão, o príncipe achou que a mãe dele tinha morrido. Então a mãe do príncipe apareceu só que era a bruxa fingindo que era a mãe dele.
Ela queria que o príncipe pensasse que era a mãe dele, e caminhando junto com ela na vila perto do castelo o príncipe e bruxa encontram a bela, ele encontra e bela e fala:
- Oi menina.
Bela respondeu:
- Oi e perguntou:
- O que um príncipe tão rico está fazendo por aqui, sendo tão rico não podia estar aqui.

Os dois se apaixonaram, mais, chegando no castelo a bruxa fingindo ser a mãe, disse ao príncipe:
- Não quero meu filho com aquela menina!

Quando o filho dormiu, a bruxa foi para a casa da bela e prendeu bela junto com a mãe do príncipe no castelo. E disse:
- Ele nunca mais vai lá ver! ra ra ra ra ra ra!

A bruxa queria que o príncipe ficasse, por que ela ia fazer ele sofrer até ele ir embora e ficar com o castelo para ela e os monstros.
Um dia o príncipe seguiu a bruxa por uma escada que tinha no castelo e quando chegou lá viu que não era a sua mãe, ele ficou espantado, lutou com a bruxa, aí apareceram os outros monstros, ele lutou contra todos e salvou a sua mãe a princesa.
O príncipe Gabriel se casou com a Bela, a mãe dele ficou muito feliz, eles ficaram morando no castelo depois que os monstros sumiram e ficaram felizes para sempre.
Stephanny, Maria Gabriele e Felipe

A Princesa e o Cavaleiro
Era uma vez um castelo abandonado onde havia vários morcegos, mas também morava uma bruxa. Numa outra pequena cidade morava uma princesa, essa princesa estava brincando sua bola, mas saiu quicando entrando floresta a fora, quando a princesa pegou a bola ela já estava no meio da floresta, então como ela não sabia voltar para casa resolveu continuar andando até que chegou a um castelo, como a porta estava resolveu entrar.
Ao entrar no castelo ficou com um pouco de medo por causa dos morcegos. Então ela escutou uma voz estranha vindo de um quarto, então resolveu ir olhar quando ela entrou a porta se trancou sozinha então a princesa começou a entrar em pânico e de repente a bruxa apareceu e a trancou numa enorme gaiola.
Passaram-se meses até que um dia a bruxa saiu, minutos depois da saída da bruxa a princesa escutou um barulho de Cavalo e então ela começou a gritar:
- Socorro! Socorro! Socorro!

E então o cavaleiro que estava montando em seu cavalo escutou os gritos da princesa e então entrou no castelo resgatou a princesa e os dois foram embora e viveram felizes.
Iara Melina Estevam e Maria Clara Ribeiro da Costa Azevedo
O castelo mal assombrado
Era uma vez um castelo mal assombrado, lá no castelo tinha muitos monstros, eles saem do castelo para assustar as pessoas, vários morcegos correram atrás das pessoas.
As pessoas saíram correndo e então os vilões chegaram e disseram:
- Vamos ver quem vai ganhar então.

Começaram a assustar as pessoas e quem assustasse mais ganhava e ficava com o castelo. Foi o morcego que ganhou então conversaram falaram e falaram que era melhor sem amigos e deixaram de assombrar o castelo e as pessoas.
Chegou um príncipe e um princesa eles se apaixonaram ele pediu ela em casamento, ela pediu um tempo e depois de dois dias ela disse sim, eles ficaram muito felizes e foram morar no castelo assombrado.
Thayla Raylane e Mayara Estefani
O castelo do medo
Era uma vez um castelo mal assombrado dava medo e tinha morcego, bruxa, fantasmas, esqueleto e um cavaleiro.
Um dia o cavaleiro saiu da sua casa e foi para a floresta, de repente ele ouviu uma bruxa riu ela pegou o cavaleiro e disse:
- Vou lhe matar!

Mas o cavaleiro conseguiu se salvar, ele lutou com a bruxa ele ia matar a bruxa, mas, a bruxa disse:
- Eu posso sair daqui e vou levar todos os bichos do castelo.

E assim a bruxa e os monstros foram embora e o cavaleiro ficou com o castelo.
Jeanderson e Wilkem
Castelo mal assombrado
Era uma vez um castelo assombrado, morcego por todo lado, a princesa e o rei foram passear, chegaram de 6 horas na hora do jantar e foram dormir.
De madrugada a filha do rei, escutou barulhos era o drácula, ela ficou com medo e as bruxas voando pelo castelo.
O rei acordou e chamou os guardas para ver o que era um fantasma, esqueleto e zumbis todos os vilões encontraram o cavaleiro.
Teve uma guerra, humanos contra os monstros, os humanos venceram, a guerra acabou. Mas depois da guerra uma bruxa sobreviveu, o cavaleiro viu a bruxa e matou ela e depois todos viveram felizes para sempre e depois da morte da bruxa o castelo parou de ser assombrado.
Carlos Gabriel, Icaro Rafael, Lucas Bezerra
O Castelo da bruxa
Era uma vez um castelo mal assombrado que morava uma bruxa má, que ela morava e foi para a floresta e encontrou uma casa que morava um princesa legal. A bruxa viu a casinha bem linda e limpa e com um jardim, e a bruxa falou:
- Ai tem uma cozinha né?

A bruxa foi al e a menina olhou para a bruxa e falou:
- Quem é você?
- Eu sou uma bruxa boazinha.

A bruxa foi para casa e foi falar com seus fantasmas para eles olharem a princesa. Os fantasmas foram olhar a princesa e o jardim, a princesa viu o fantasma, ela ficou assustada com o fantasma e a bruxa falou para os morcegos irem até ela.
A bruxa chamou o príncipe e transformou o castelo em um castelo lindo onde viveram felizes para sempre.
Maria Clara Nogueira e Yasmim Rocha
A princesa e suas aventuras
Era uma vez a muito tempo atrás um castelo mal assombrado, nesse castelo ora o Drácula, ele tinha um morcego de estimação. O Drácula tinha um grande rancor da família real.
Em um dia muito chuvoso e tempestuoso, a rainha deu a luz a uma menina, a rainha e o rei ficaram muito felizes e eles fizeram uma grande festa, celebrando o nascimento da princesa, mas, lá no castelo assombrado o Drácula estava com muita raiva, por que a princesa tinha nascido.
Oito anos depois a princesa já estava um pouco maiorzinha, a princesa também tinha um melhor amigo que se chamava Thomas, ele tinha um sonho de ser um grande cavaleiro.
A princesa Emily gostava muito de explorar os lugares, teve um dia que Emily e Thomas estavam brincando e eles viram um castelo lá no alto de uma montanha depois da floresta. Emily disse:
- A gente tem que ir nesse castelo não é Thomas?
Thomas Respondeu:
-Vamos rápido antes que anoiteça.
Eles passaram pelo rio e depois Thomas e Emily estavam quase chegando, de repente apareceu um fantasma na frente de Thomas e de Emily eles correram gritando:
- Fantasma! Fantasma!
Quando eles estavam correndo, apareceu um esqueleto e eles gritaram:
- Esqueleto, esqueleto!
Depois o fantasma e o esqueleto desapareceram e finalmente eles chegaram no castelo.
Thomas e Emily pegaram dois lençóis brancos para ninguém reconhecer eles, Thomas e Emily foram até o Drácula e depois eles ficaram muito nervoso, o Drácula tirou os lençóis de cima deles e disse:
- Vocês acham que eu sou bobo?
Thomas e Emily começaram a gritar:
-Haaaaa! Haaaaaa!
O fantasma e o esqueleto apareceram, e falaram:
- Não tenham medo a gente e do bem!
Thomas, Emily o fantasma e o esqueleto foram de volta para o castelo eles lutaram muito, mais o Drácula não desistia, Emily foi até a cozinha procurar alho, ela procurou muito e achou um alho, ela voltou para lutar com Dracula e meteu o alho na boca do Drácula.
Thomas levou o Drácula para a frente do castelo, ele virou Pó e Thomas e Emily pegaram um balde e pegaram o pó. Eles foram para casa suando, quando eles passaram pelo rio e jogaram todo o pó do Drácula.
Quando chegaram em asa já era noite, o rei e a rainha ficaram muito preocupados, Emily e Thomas explicaram tudo, eles disseram que foram para um castelo mal assombrado e encontraram o drácula e ele virou pó.
Eles também falaram que também conheceram um fantasma e um esqueleto, o rei a rainha ficaram de boca aberta, o rei explicou a eles eu o Drácula era o seu maior inimigo.
Depois eles foram dormir, e no dia seguinte o rei a rainha fizeram uma grande festa, o rei convidou todos os amigos de Emily, quando ela acordou e foi se arrumar, depois quando ela desceu para a sala, estava tendo uma grande festa, e ela falou:
-Gente o que é isso!
O rei respondeu
-Uma festa especialmente para você.
Emily agradeceu a todos com um grande muito obrigado, a festa durou o dia inteiro todos viveram felizes para sempre sem o drácula.
Neusa Maralyne e Maria Júlia
Poesia: Que gatinho é esse?

Você quer um gatinho? Você tem um gatinho? Um gatinho laranjinha?
Um gatinho que faz fantasia? Que traz alegria?
Um gatinho que faz animação?
Onde tá esse gatinho? Ele existe ou é invenção?
E de verdade ou é imaginação?
Scratch e o nome dele
Um gatinho que faz a gente criar
O que a nossa imaginação conseguir imaginar
Ainda não acredita? É só experimentar. Use a imaginação
E deixe Scratch lhe impressionar.

Socialização
Criatividade
Realização
Alegria
Tecnologia
Colaboração
Habilidade